M
Logo Portal da BIDS

© 2024 CityPubli

Logo Portal da BIDS
Logo Portal da BIDS

NOTÍCIAS

ABIMDE encerra participação na Eurosatory 2024

Maior evento mundial de defesa terrestre e aérea termina em Paris A Eurosatory, a maior feira mundial de defesa terrestre e aérea, encerra hoje sua edição de 2024 em Paris. A edição deste ano reuniu o setor de defesa e segurança, apresentando uma ampla gama de...

MBDA na Eurosatory: Protagonismo e Inovação em Defesa

Para o Brasil, empresa expande horizontes por meio de cooperações industriais A participação da MBDA na Eurosatory reforçou o comprometimento e a eficiência do grupo europeu em oferecer soluções de defesa soberanas para atender todas as Forças Armadas. A feira, um...

Operação “Lançamento de Armas”: Marinha testa o seu poder de combate

Exercício ocorreu no litoral do Rio de Janeiro e contou com lançamento de mísseis e bombas A Marinha do Brasil (MB) conduziu, entre os dias 15 e 18 de junho, a Operação “Lançamento de Armas II/2024”, mobilizando navios e aeronaves da Esquadra, no litoral entre as...

Akaer debate transformação digital no SciBiz Conference 2024

O vice-presidente de Operações da Akaer, Fernando Ferraz, participou nesta quarta-feira (20) de um dos painéis principais do SciBiz Conference 2024, maior conferência de ciência e negócios da América Latina. O evento acontece nesta semana na USP, em São Paulo, com a...

EDGE e Thales anunciam uma parceria estratégica para o desenvolvimento e fabricação de comunicações por rádio nos Emirados Árabes Unidos

– A EDGE e a Thales assinaram uma declaração de intenções para colaborar no desenvolvimento de rádios definidos por software nos Emirados Árabes Unidos. – Espera-se que a parceria desenvolva e produza novas soluções no domínio das comunicações por rádio. Abu Dhabi,...

Especialistas manifestam preocupação com a Base Industrial de Defesa

A Base Industrial de Defesa desempenha papel fundamental na proteção das fronteiras e na defesa do território nacional, garantindo a soberania e a integridade do país. Em audiência pública realizada nesta terça-feira, 18, pela Comissão de Relações Exteriores e de...

Kryptus inaugura laboratório avançado de cibersegurança e defesa pioneiro na América Latina

Pioneiro na América Latina, LabSCA investiga vulnerabilidades de hardware que podem ser exploradas em ataques cibernéticos A Kryptus, multinacional brasileira especializada em soluções de segurança cibernética e defesa, inaugurou recentemente o Laboratório Avançado de...

Importância da Energia Nuclear é tema em Audiência Pública no Congresso Nacional

Evento foi uma oportunidade para fortalecer a colaboração entre a Marinha e atores do Setor Nuclear O Diretor-Geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha (DGDNTM), Almirante de Esquadra Alexandre Rabello de Faria, representando a Marinha do Brasil,...

Militares realizam estágio de operações aeromóveis na Amazônia

Na última semana, o Exército Brasileiro celebrou a conclusão do Estágio de Operações Aeromóveis de 48 militares que integram o Comando Militar da Amazônia (CMA). O estágio, que contou com a participação de integrantes de diversas organizações militares, foi...

Indústria nacional em destaque na Eurosatory 2024

Exposição global de defesa e segurança reforça compromisso com inovação tecnológica Começou a Eurosatory 2024, a principal exposição global de Defesa e Segurança, realizada no Centro de Exposições Paris-Nord Villepinte, em Paris, até o dia 21 de junho. O evento reúne...
Números mostram potencial do segmento para desenvolvimento da indústria, disse presidente da FIESC; SC Expo Defense abre espaços para oportunidades de negócios com Forças Armadas; Fapesc anuncia R$ 6 mi em edital para a indústria

Um dos motores do desenvolvimento de novas tecnologias no país, o setor de defesa e segurança foi responsável por 3,72% do PIB brasileiro em 2022 e movimentou R$ 86,6 bilhões só no primeiro semestre do ano passado. A informação foi transmitida pelo presidente da Federação das Indústrias de SC (FIESC) e presidente do Conselho da Indústria de Defesa e de Segurança (Condefesa) da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Mario Cezar de Aguiar. Em seu discurso na abertura da SC Expo Defense, Aguiar destacou a relevância do setor para a indústria, incluído entre as missões prioritárias do governo federal na sua nova política industrial.

“O setor de defesa e segurança foi responsável por R$ 7,47 bilhões em investimentos no acumulado do primeiro semestre do ano passado e por exportações de R$ 11,57 bilhões. São produtos de altíssimo valor agregado em um setor que gera empregos extremamente qualificados na indústria”, afirmou Aguiar.

O presidente da FIESC destacou ainda que o segmento ajuda a movimentar outros setores, como os de máquinas e equipamentos mecânicos; equipamentos de informática; produtos eletrônicos e ópticos; automóveis, caminhões e ônibus e até a construção civil. “Também movimenta o ecossistema de inovação, fomentando a pesquisa e o desenvolvimento de novas tecnologias, beneficiando, além das indústrias, institutos de pesquisa e universidades”, destacou.

O secretário de produtos de defesa do Ministério da Defesa, Major-Brigadeiro do Ar Rui Chagas Mesquita, afirmou que o evento oferece uma plataforma para empresas regionais mostrarem suas capacidades na área de defesa, para  promover cooperação com parceiros internacionais, abrir espaço para o desenvolvimento de novos produtos e impulsionar a inovação tecnológica.

“É um ambiente propício para o desenvolvimento de novas colaborações e parcerias duradouras e contribui para a soberania tecnológica. A presença das financiadoras ajuda a fortalecer a pesquisa, incentivando retenção e repatriação de talentos e a minimizar os gargalos em tecnologias críticas para a defesa”, afirmou. Também destacou que o Ministério da Defesa está trabalhando pela manutenção dos incentivos fiscais disponíveis para empresas do setor na regulamentação da reforma tributária.

Investimentos de SC

Durante o evento, o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação de Santa Catarina (Fapesc) anunciou um novo programa estadual para fomentar a indústria de defesa em Santa Catarina. O Programa  de Estímulo a Tecnologias de Interesse para a Soberania e Defesa Nacionais será lançado no próximo dia 29 de maio, com um edital da Fapesc.

O edital do programa vai conceder R$ 6 milhões em subvenção econômica para indústrias de todos os portes que atendam a áreas de interesse da Base Industrial da Defesa, identificados pela Portaria MD 1112, de 4 de março de 2024.

“Temos no estado polos de desenvolvimento extraordinários e com ampla possibilidade de sinergia a demandas do setor de defesa. Tecnologias que hoje temos nas mãos todos os dias emergiram de demandas de órgãos da defesa e essa migração irá se repetir no futuro”, afirmou Fábio Wagner Pinto, presidente da Fapesc.

Para Marcelo Fett, secretário de estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, o setor de defesa é fundamental para a indústria e a economia de SC pela sua capacidade de gerar inovação tecnológica. “O setor sempre foi estratégico para SC, e o estado dispõe de mecanismos e políticas públicas que contribuem para desenvolver o setor de defesa. O desenvolvimento das Fragatas Tamandaré no estado é um exemplo disso”, destacou Fett.

Oportunidades para a indústria 

Na abertura, foi assinado ainda um protocolo de intenções para a criação de uma Câmara de Nacionalização, com os objetivos de desenvolver uma cadeia de suprimentos para a defesa baseada em fornecedores nacionais, aumentar a participação das empresas brasileiras na construção naval e reduzir a dependência estrangeira e geração de empregos.

O primeiro dia de evento contou ainda com apresentações das Forças Armadas detalhando suas demandas e as oportunidades de aquisições de produtos e serviços de empresas participantes do evento.

Programação de 17/5

Nesta sexta (17), a programação traz a palestra de Fiona Murray, professora de empreendedorismo e decana associada para Inovação e Inclusão no MIT Sloan. O trabalho de Murray se concentra na transformação de investimentos em ciência e tecnologia em inovação, especialmente em startups de alta tecnologia. Além disso, é membro do conselho do Fundo de Inovação da OTAN.

Com o objetivo de fomentar novas parcerias comerciais entre empresas brasileiras e italianas no segmento de Defesa e Segurança, a SC Expo Defense vai sediar o Diálogo de Defesa Brasil-Itália. A iniciativa dos Ministérios da Defesa do Brasil e da Itália tem como foco identificar oportunidades de intercâmbio tecnológico e novos negócios entre empresas dos dois países.

A SC Expo Defense, evento focado em inovação e tecnologias para o setor de Defesa e Segurança, e que teve início hoje (16) e segue nesta sexta-feira na sede da FIESC em Florianópolis, reforça a vocação catarinense em tecnologia e inovação, trazendo discussões, troca de experiências e apresentação de produtos e projetos de base tecnológica de defesa.

Confira a cobertura fotográfica no Flickr da FIESC.

As informações são da Assessoria de Imprensa da FIESC.

Translate»