M
Logo Portal da BIDS

© 2021 CityPubli

Logo Portal da BIDS
Logo Portal da BIDS

NOTÍCIAS

ITA recebe homenagem da Assembleia Legislativa do Ceará

O Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) foi homenageado em reconhecimento à sua importância dentro do processo educacional do Estado do Ceará. O evento aconteceu no último dia 14, em solenidade virtual organizada pelo Instituto de Estudos e Pesquisas sobre o...

Pilotos de embarcações fluviais recebem adestramento no PA

Em 14 de janeiro de 2021, o 2º Batalhão de Infantaria de Selva (2º BIS) realizou, na baía do Guajará, em Belém (PA), o adestramento de seus pilotos de embarcações, utilizando seus Materiais de Emprego Militar, a Embarcação Tática Guardian 25 e a Embarcação Patrulha de...

Forças Armadas concluem, com 24h de antecedência, distribuição da vacina

As Forças Armadas concluíram, nesta terça-feira (19), com um dia de antecedência em relação planejamento inicial, a distribuição da vacina contra o novo coronavírus. As ações da Marinha, do Exército e, em especial, da Força Aérea garantiram rápida resposta e pronto...

Navio-Patrulha “Guaíba” realiza “Passex” com navio da Guarda-Costeira dos EUA

O Navio-Patrulha (NPa) “Guaíba”, subordinado ao Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Nordeste, realizou, no dia 14 de janeiro, a Comissão “Passex” com o USCG “Stone”, da Guarda-Costeira dos Estados Unidos, na área de jurisdição do Comando do 3º Distrito Naval...

Projeto de detecção rápida e de baixo custo do Covid-19 ganha prêmio de inovação

O projeto "CoronaYeast: um modelo de diagnóstico barato e sensível para o SARS-CoV-2 baseado em levedura", apoiado pela Finep/MCTI e FAPESP, e desenvolvido pelo Laboratório de Genômica e Bioenergia (LGE) da Unicamp, em parceria com a empresa-filha da Universidade...

AEL Sistemas realiza demonstração de interoperabilidade de sistemas de comando

Em Dezembro, as Forças Armadas Brasileiras e o Ministério da Defesa realizaram demonstração de integração entre os três projetos do Programa de Interoperabilidade Técnica de Comando e Controle (INTERC2) do Ministério da Defesa (MD): o Projeto RDS-Defesa (Rádio...

Avionics desenvolve sistema de visão para jato supersônico civil

O sistema de visão aprimorado (EFVS, na sigla em inglês) ClearVision, da Universal Avionics, foi escolhido pela Aerion Supersonic para equipar o AS2, jato supersônico de uso civil que vem sendo desenvolvido pela companhia. As informações são da revista Aero Magazine....

DECEA aprova documento do Gerenciamento de Riscos do Projeto LANDELL

Os trabalhos do Projeto LANDELL seguem à diante. Na tarde dia 06 de janeiro, o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) aprovou o Documento de Gerenciamento de Risco à Segurança Operacional (DGRSO) para a implementação da CPDLC Continental. Nesta mesma data...

Navio-Patrulha Oceânico “Araguari” realiza ações de presença nos Arquipélagos de Fernando de Noronha e de São Pedro e São Paulo

O Navio-Patrulha Oceânico (NPaOc) “Araguari”, subordinado ao Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Nordeste, realizou, de 4 a 9 de janeiro, ações de presença nos Arquipélagos de Fernando de Noronha e de São Pedro e São Paulo. Durante a comissão, uma comitiva do...

Lançamento do satélite Amazonia 1 será dia 28 de fevereiro

O lançamento do satélite Amazonia 1 acontecerá no dia 28 de fevereiro. De acordo com o Inpe, a data prevista era 22 de fevereiro, mas foi alterada por solicitação do provedor do lançamento. O primeiro estágio do lançador já se encontra montado no local de lançamento...

A Grão Pará Multimodal anunciou seu apoio à ação de seis entidades do setor empresarial portuário em defesa do BR do Mar e prorrogação do Reporto, que perde a validade em 31 de dezembro.

A chamada Coalizão Empresarial Portuária surgiu de um encontro realizado na segunda-feira, 30 de novembro, para aprovação do Projeto BR do Mar (PL Nº 4199/20) que institui o Programa de Estímulo ao Transporte por Cabotagem e a prorrogação do Reporto, além de promover debates e reforçar o posicionamento conjunto sobre todos os temas relevantes para o setor portuário.

“Este projeto, além do seu caráter inovador, tem a virtude de pretender criar condições para a modernização do setor portuário permitindo aumentar a sua eficiência e criar valor para a economia brasileira”, comentou o diretor-executivo da Grão Pará, Paulo Salvador, sobre a BR do Mar. “A cabotagem, seja marítima seja fluvial, permitirá a diminuição de custos com o acesso mais facilitado e com um nível de segurança mais elevado a alguns pontos que até agora não têm soluções logísticas tão eficientes”.

Ainda sobre o projeto, Salvador destaca as dimensões continentais do país como um dos fatores que pesam a favor da BR do Mar. “A cabotagem poderá ser uma boa solução através do estabelecimento de pontos de recepção ou envio que consolidam cargas permitindo a diminuição do fator mais crítico para a competitividade do nosso comércio internacional que é o frete marítimo via navios de grande porte”.

Em relação ao Reporto, Salvador pondera que os bons números da balança comercial brasileira este ano são um fator que deve pesar na prorrogação. “Houve um crescimento de 25,5% relativamente ao período análogo de 2019. Os portos são um fator de competitividade não só para a indústria mineraleira e agronegócio mas também para todo a economia brasileira nas suas diversas vertentes, tais como, concorrência das empresas à escala global, criação e manutenção de postos de trabalhos assim como coleta de impostos”.

Ele também aponta que o Reporto é crucial para a instalação de novos portos, aumento da capacidade dos atuais e renovação da capacidade instalada. “Caso contrário, poderemos incorrer na situação de elevada capacidade e eficiência produtiva e não ser tão eficiente na cadeia produtiva por força do gargalo portuário”.

Mobilização

As seis entidades – Associação Brasileira dos Terminais de Contêineres (ABRATEC); Associação Brasileira de Terminais de Líquidos (ABTL); Associação Brasileira dos Terminais Portuários (ABTP); Associação Brasileira de Terminais e Recintos Alfandegados (ABTRA), Associação de Terminais Portuários Privados (ATP) e Federação Nacional das Operações Portuárias (FENOP) – enviaram nota conjunta a deputados federais e lideranças partidárias

Um caminhão carregado com um contêiner adesivado com as informações propostas pela Coalizão Empresarial Portuária começou a circular ontem (01) e segue hoje (12) pelos arredores do Congresso Nacional, como parte ação estratégica de convencimento de deputados e lideranças políticas em Brasília.

“As valorizações e os incentivos para o transporte aquaviário e ferroviário são medidas necessárias e aguardadas por longo tempo pela sociedade brasileira, incluindo em especial as empresas privadas que atuam no setor portuário nacional”, destaca o texto da coalizão.

“Destacamos de fundamental importância o Projeto de Lei nº. 4199/2020, que Institui o Programa de Estímulo ao Transporte por Cabotagem – BR do Mar e altera a Lei nº 5.474, de 18 de julho de 1968, a Lei nº 9.432, de 8 de janeiro de 1997, a Lei nº 10.233, de 5 de junho de 2001 e a Lei nº 10.893, de 13 de julho de 2004. O incentivo ao transporte de cabotagem brasileira, certamente poderá gerar incremento nas operações portuárias, resultando em redução de custos logísticos e na competitividade nacional”, segue o ofício.

A coalizão também destaca outros temas relevantes para a competitividade da cabotagem brasileira, como: transporte aquaviário de curta distância, serviços de praticagem, de rebocadores e a necessidade de redução tributária para os combustíveis marítimos.

As entidades também sugerem alterar o Artigo 16 da Lei Nº 11.033/2004 a inclusão das empresas de dragagem, dos recintos alfandegados de zona secundária e dos centros de formação profissional e treinamento, que poderão importar equipamentos fundamentais para suas operações até dezembro de 2025.

Translate»