M
Logo Portal da BIDS

© 2024 CityPubli

Logo Portal da BIDS
Logo Portal da BIDS

NOTÍCIAS

FAB participa da 3ª Conferência Espacial das Américas no EUA

O evento contou com a participação de militares do Centro de Operações Espaciais (COPE), que é subordinado ao Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), de representantes de países das Américas e de organizações norte-americanas ligadas à área espacial   A Força...

Oficiais da Marinha do Brasil capacitam militares mexicanos para operações de paz da ONU

Militares brasileiras integraram Equipe Móvel de Treinamento do COpPazNav O Centro de Operações de Paz de Caráter Naval (COpPazNav), da Marinha do Brasil, enviou ao México uma Equipe Móvel de Treinamento (EMT), composta pelas Capitães de Mar e Guerra (Quadro Técnico)...

Exército conclui transporte de viaturas e armamentos para a fronteira norte

O Exército Brasileiro concluiu o transporte das viaturas e armamentos para reforço da defesa da fronteira norte do país. No último sábado, 10, o Comando Militar da Amazônia (CMA) encerrou as atividades da Operação Roraima, uma grande mobilização logística que envolveu...

Apronto operacional reúne capacidades da Força de Prontidão no Sul do Brasil

Uma verificação do aprestamento individual e coletivo dos efetivos que compõem a Força de Prontidão (FORPRON) da 6ª Brigada de Infantaria Blindada foi realizada na primeira semana de fevereiro. O apronto operacional reuniu cerca de mil militares e 200 viaturas, com...

Apoio do BNDES à inovação alcança R$ 5,3 bi em operações aprovadas em 2023

Valor foi o maior dos últimos cinco anos e representa um aumento de 132% em relação ao total aprovado em 2022, sendo de 181% se consideradas apenas operações diretas Crescimento foi impulsionado pelo programa BNDES Mais Inovação, lançado em setembro, que tem custo...

Pesquisa do ITA com uso operacional de Inteligência Artificial é destaque

Publicação é o resultado de um estudo desenvolvido no Programa de Pós-Graduação em Aplicações Operacionais Artigo desenvolvido por um pesquisador do Programa de Pós-Graduação em Aplicações Operacionais (PPGAO) do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) foi destaque...

GLO: Com PF e RFB, FAB intensifica combate ao tráfico de ilícitos no carnaval

Ações interagências ocorrem nos aeroportos do Galeão (RJ) e de Guarulhos (SP) Com o objetivo de combater o tráfico de ilícitos no período de Carnaval, foram intensificadas as ações interagências entre a Força Aérea Brasileira (FAB), a Receita Federal do Brasil (RFB) e...

Brasil e Paraguai atuam em cooperação no combate ao crime transnacional

A Operação Ágata Fronteira Oeste II completou 90 dias no início de fevereiro, atingindo a marca de quase 130 milhões de reais em apreensões de drogas e outros ilícitos decorrentes de crimes transnacionais e ambientais. Desde o dia 29 de janeiro, o Brasil conta com a...

Diretor-Geral do Material da Marinha realiza apresentação em plenária da ABIMDE

O Almirante de Esquadra Edgar Luiz Siqueira Barbosa destacou os “Projetos Estratégicos da Marinha e Oportunidades para a Base Industrial de Defesa” No último dia 06 de fevereiro, a Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança (ABIMDE)...

Programa gratuito de aceleração de startups abre inscrições para o ciclo 2024.1

Coordenado pelo MDIC, Hub InovAtiva oferece 280 vagas para o primeiro semestre deste ano nos programas de aceleração InovAtiva Brasil e InovAtiva de Impacto Socioambiental Estão abertas as inscrições para o InovAtiva Brasil e para o InovAtiva de Impacto...

Desde a última quarta-feira, a 5ª Divisão de Exército reforça o efetivo da 15ª Brigada de Infantaria Mecanizada em atuação na Operação Ágata Fronteira Oeste II. Agora, o efetivo empregado passa de 400 para 500 militares, um aumento de 25%.

O Comandante da 5ª Divisão de Exército, General de Divisão José Ricardo Vendramin Nunes, explicou a importância da Operação. “Vamos ter uma presença permanente aqui na fronteira, com efetivo muito significativo e interoperabilidade com os órgãos de segurança pública que é um dos nossos objetivos”,

No dia 29 de janeiro, foi realizada a reunião de coordenação das operações, envolvendo autoridades do Exército Brasileiro e o Chefe do Estado-Maior da 3ª Divisão de Infantaria do Paraguai. As atividades da Operação são desenvolvidas por meio da integração de diversos órgãos de segurança pública federal, estadual e municipal e também em parceria com o Exército do Paraguai.

A Operação Ágata Fronteira Oeste II está em curso desde novembro, na faixa de fronteira dos estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Paraná, para coibir os crimes transfronteiriços, como tráfico de drogas, de armas e contrabando. Até o momento, já foram apreendidos mais de R$ 115 milhões em drogas, cigarros contrabandeados, veículos e mercadorias. Entre o material apreendido estão 16 toneladas de maconha, uma tonelada de pasta base e 600 kg de cocaína.

A Operação mobiliza tropas da 5ª Brigada de Cavalaria Blindada e da 14ª Brigada de Infantaria Motorizada.

Segurança nas Fronteiras

Em Foz do Iguaçu, a Ponte Internacional da Amizade, que liga o Brasil ao Paraguai, é a fronteira mais movimentada do País, com tráfego de cerca de 40 mil veículos todos os dias. Nas revistas aos veículos, os militares empregam cães de guerra para farejar tóxicos e explosivos.

O estudante de medicina Lázaro José Nunes Mendes passa pela aduana diariamente para estudar em Cidade do Leste e acredita que todo reforço na segurança da fronteira é bem-vindo. Segundo ele, “quanto mais segurança, melhor!”

Em Guaíra, a Ponte Ayrton Senna faz a ligação do estado do Paraná com o Mato Grosso do Sul, e a oeste fica a cidade de Salto del Guairá, no Paraguai. Durante a Operação Fronteira Oeste II, o Exército monta postos de controle e bloqueio de vias para a revista de veículos. Já no rio Paraná e lago de Itaipu, o monitoramento é reforçado com uso de lanchas, radares e drones.

O administrador Jorge Augusto Basso diz que se sente mais seguro vendo a atuação do Exército Brasileiro na Ponte da Amizade. “Nós viemos de longe e ouvimos que, às vezes, há alguns problemas na fronteira. Então, como brasileiro, eu me sinto mais seguro”, afirma.

As informações são da 5ª Divisão de Exército.

Translate»