M
Logo Portal da BIDS

© 2022 CityPubli

Logo Portal da BIDS
Logo Portal da BIDS

NOTÍCIAS

CSSP Brasil realiza encontro com comunidade científica no CEMADEN

Na última terça-feira (28) aconteceu o primeiro dia do Workshop Anual de Ciência do Climate Science for Service PartnerShip Brazil – CSSP, programa do Weather and Climate Science for Service Partnership – WCSSP. A iniciativa, que é uma troca de experiências...

FAB e BNDES assinam contrato sobre gestão de imóveis

A Força Aérea Brasileira (FAB) e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) assinaram, na sede do Comando da Aeronáutica (COMAER), em Brasília (DF), um contrato que viabiliza ações com potencial de gerar aumento da eficiência da gestão do...

Marinha e CAPES assinam Acordo de Cooperação

A Secretaria da Comissão Interministerial para os Recursos do Mar, da Marinha do Brasil, assinou um Acordo de Cooperação Técnica com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) para ofertar 28 bolsas de doutorado em Ciências do Mar. O...

Simulação Viva encerra certificação de Força de Prontidão em RR

A 1ª Brigada de Infantaria de Selva foi selecionada para compor o Sistema de Prontidão Operacional e concluiu, no final de junho, o exercício de simulação viva, etapa final da certificação de sua Força de Prontidão, a FORPRON Lobo D'Almada. No dia 26, a brigada...

Força Nacional vai apoiar a Funai em terra indígena no Pará

Agentes da Força Nacional de Segurança Pública atuarão, por 90 dias, na Terra Indígena Alto Rio Guamá, no Pará, em apoio à Fundação Nacional do Índio (Funai). Portaria que autoriza o emprego da Força Nacional foi publicada ontem (30) no Diário Oficial da União. As...

Parcerias para BIDS são tema de reunião entre Ministro da Defesa e presidente do Condefesa

O Ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, recebeu em seu gabinete, na sede da Pasta, a visita do presidente do Conselho Temático da Indústria de Defesa e de Segurança (Condefesa) e vice-presidente Executivo da Confederação Nacional da Indústria (CNI),...

TAURUS e CBC firmam patrocínio com a Confederação Brasileira de Tiro Prático

A Taurus e a Companhia Brasileira de Cartuchos (CBC), consideradas entre as principais fabricantes de armas e munições do mundo, são novamente patrocinadoras oficiais do Tiro Prático. As empresas apoiarão a Confederação Brasileira de Tiro Prático (CBTP) em campeonatos...

Ministro da Defesa se reúne com presidente do Condefesa

O Ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, recebeu em seu gabinete, na sede da Pasta, a visita do presidente do Conselho Temático da Indústria de Defesa e de Segurança (Condefesa) e vice-presidente Executivo da Confederação Nacional da Indústria (CNI),...

Exército Brasileiro participa de planejamento de exercício nos EUA

A equipe de coordenação e ligação do Exercício CORE 22 (Combined Operation and Rotation Exercises 22) realiza, no período de 27 de junho a 1° de julho, a Conferência Logística de Rotação. Na atividade, ocorre o planejamento para o adestramento combinado entre as...

Novo passaporte está mais moderno e com tecnologia antifraude

Apresentado nesta semana, o novo passaporte de viagem dos brasileiros é mais moderno e seguro. Além de identificar o portador em outros países com mais segurança, o documento também é um cartão de visita do Brasil para o mundo, com ícones que representam elementos da...

Com foco na inovação para o setor de Defesa nacional, a FINEP, empresa pública do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), lançou, nesta quinta-feira (2), uma chamada pública voltada à Base Industrial de Defesa e Segurança (BIDS). São R$ 120 milhões do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT) para duas linhas temáticas: Tecnologias de Defesa e Defesa Biológica, Nuclear, Química e Radiológica.

O edital foi anunciado durante transmissão ao vivo com representantes do MCTI, do Ministério da Defesa, da FINEP/MCTI e da indústria de Defesa e segurança.  Podem participar empresas nacionais de qualquer porte individualmente ou em conjunto com outras companhias. As inscrições podem ser feitas de 7 de junho a 19 de julho no site da FINEP. O edital na íntegra e formulários podem ser acessados no site da empresa.

O presidente-executivo da ABIMDE (Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança), general Aderico Mattioli, destacou a liderança dos ministérios em investir no setor. “Percebemos a liderança do MCTI e da Defesa, que estão buscando junto à Base Industrial de Defesa e Segurança as oportunidades para que o Brasil tenha sua retomada econômica e possa apresentar inovações. Isso é um reconhecimento das ações do governo que estão se refletindo em nossa base de Defesa”.

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, Paulo Alvim, afirmou que a chamada é a primeira do Plano Anual de Investimentos de 2022, aprovado pelo Conselho Deliberativo do FNDCT. O ministro também ressaltou a orientação do Governo Federal em fortalecer o setor produtivo e promover a retomada econômica.

“Essa é a primeira de um conjunto de chamadas que vamos lançar. Estamos dando continuidade ao trabalho do Governo Federal em buscar soberania tecnológica em áreas estratégicas em parceria com o setor empresarial brasileiro. Trabalhamos muito articulados para incrementar nossa base industrial brasileira”, disse.

O diretor de Ciência, Tecnologia e Inovação do Ministério da Defesa, Carlos Eduardo da Mota Góes, exaltou a parceria entre os dois ministérios e o potencial de retorno para o país do setor de Defesa.

“Essas áreas do edital transbordam, geram emprego, renda e desenvolvimento econômico. Do ponto de vista das Forças Armadas, elas se traduzirão em novas capacidades. A partir do resultado da subvenção econômica poderemos agregar novas capacidades ao Ministério da Defesa ou aprimorar capacidades existentes, o que significa maior autonomia tecnológica para nosso país e maior soberania”, avaliou.

O presidente da FINEP, Waldemar Barroso, elogiou o trabalho integrado com participação de governo, setor produtivo e academia. “Esse trabalho integrado entre as Forças Armadas, indústria de defesa, academia, setor científico faz realmente com que a tripla hélice se movimente. Essa decisão estratégica faz com que tenhamos assegurada a soberania nacional e desenvolvimento com ganhos para a sociedade”.

Chamada

O edital prevê recursos não reembolsáveis para as linhas temáticas de Tecnologias de Defesa (R$ 105 milhões) e Defesa Biológica, Nuclear, Química e Radiológica (R$ 15 milhões). Dentro da linha temática de tecnologias de Defesa, serão apoiados projetos que contemplem soluções inovadoras nos temas:

– Guiamento, controle e navegação com aplicação em mísseis, foguetes e veículos não tripulados terrestres/aéreos/navais;

– Propulsão com ar aspirado para aplicação aeroespacial;

– Materiais de alta densidade energética para propelentes e explosivos;

– Inteligência artificial e tecnologias quânticas para emprego em defesa cibernética;

– Radares e sensores com suas respectivas tecnologias de processamento e de análise para aplicação naval, terrestre e aeronáutica;

– Produtos para aplicação em Defesa visando proteção balística, camuflagem multiespectral, tecnologia de furtividade e blindagem eletromagnética;

– Desenvolvimento de atuador nacional de alto desempenho para aplicação espacial, aeronáutica e marítima;

Na linha temática de Defesa Biológica, Nuclear, Química e Radiológica, os investimentos serão aplicados em sensores e equipamentos específicos para essas áreas.

Outros detalhes da chamada podem ser encontrados no site da FINEP.

As informações são do MCTI

Confira todas as novidades das empresas da BIDS

Fique informado sobre as ações das nossas Forças Armadas e de segurança

 

Translate»